As vezes, nós só querermos ser nós mesmo, sem ter quem julgar, sem ter com que se preocupar. Só ser nerds em público. E fazer disso, uma aventura épica. Obrigado Racka Racka.

Só imagino como deveria ser sem esses efeitos.

Sem toda ilustração tem que ser fanart disso ou baseado naquilo. O mundo está cheio de coisas interessantes que podemos traduzir em nossas peças. Siga o exemplo da artista Jessica Madorran e veja algo corriqueiro com outros olhos.

Continue lendo

…o resultado só pode ser um terror!

Não adianta fala que o jogo é difícil, tem que usar metáforas e falar que ele é o “Dark Souls” dos beat’em up. Então, que tal, em vez de ficar fazendo essas comparações, juntar eles? Agradeça ao canal 64 Bits por esse jogo endemoniado.

Só não jogo por falta de tempo. E amor próprio.

Quem poderia imaginar que a Karcher (sim, aquela com as máquinas amarelas e lavadoras) é chegada numa referência a cultura pop? Pelo menos a galera do departamento de marketing curte muito, porque fazer essas montagens abaixo para divulgar os produtos, não é pra qualquer um.

Continue lendo

Se você cansou de esperar pelo seu acidente químico ou pela tecnologia alienígena que vai te fazer um super-herói, então melhor fazer igual ao Buttered Side Down e tomar as próprias providências para virar um vigilante.

Podia ter saído uns melhores né.