Fala galera!

Começarei a minha participação neste singelo blog fazendo uma propaganda daqueles que inspiraram o surgimento do Zona Nerd, aqueles que fizeram acender a chama da paixão(???) para que este projeto começasse.

São eles, as nossas musas(ou não!) inspiradoras , o pessoal do Jovem Nerd!!

Jovem Nerd
É um site recheado de humor nerd e que tem O MELHOR PODCAST DO MUNDO!!
Se você ainda não conhece, seu herege, clique na imagem acima e perca tempo da sua vida conferindo o site, assim como eu e muitos nerds espalhados pelo mundo perdemos.

Nota mental: eu adoro ficar gritando que nem o Jovem Nerd! Quem não gosta são os vizinhos, que devem achar que tem um maluco aqui.

Que tal um jogo de luta com Jesus?
E se nesse jogo, Jesus lutasse contra Maria, Noé, Moisés, Eva, Satan e é claro, um personagem secreto?

Quer descobrir quem é o char secreto?
vai fundo!

Vídeo muito engraçado de um cara jogando Fear.

Vale a pena conferir.

Para meu primeiro post….nada melhor que um bom par de….covinhas

Covinhas?…Nossa, é mesmo, era isso realmente que eu estava secando olhando!!

O que será que acontece se eu clicar em “mostrar tudo” ?

Fala galera!

Meu primeiro post (\o/) vai ser sobre um assunto que me agrada muito: música!
Na minha opinião, independente do estilo, sempre tem fãs xiitas que só servem pra encher o saco. Fã xiita é aquele cara que ama a banda mas critica tudo o que ela faz (eu sei que é paradoxal, mas é isso mesmo), são os caras que você escuta falando “Banda Y morreu depois de tal álbum porque eles não usaram o recurso X”. Eu tenho repúdio a isso, parece que o pessoal não aceita a evolução das bandas, ficam palpitando, enchendo o saco. Porra, não gostou não escuta, não é mais fácil?
Sobre esse assunto, eu li um post aqui que traduz perfeitamente meus pensamentos. Segue:

Não é um post sobre o Metallica. Mas vou usar bastante o exemplo dessa que é e sempre será uma das maiores bandas da história.

Vou usar o exemplo do Metallica para falar de uma coisa que me deixa muuuito puto: Metaleiro Xiita. Não existe nada pior que Metaleiro Xiita, exceto é claro os emos. Esse tipo de metaleiro – é existem vários tipo sim – é aquele que acha que sua banda preferida deveria ser sempre como ele quer, o som deve ser sempre aquele que o conquistou, ele não dá o direito da banda amadurecer e com isso amadurecer seu som, para esse tipo, as bandas deviam parar aí pelo 3° disco. Esse tipo, é aquele tipo chato que fala que o Metallica morreu depois do antológico “…And Justice For All” (tem alguns que nem deste gostam, falam que tembaladinha demais), falam que depois do “Killers” o Iron Maiden se vendeu e por aí vai.

Eu não concordo, o Metallica por exemplo, começou a experimentar – ok, concordo que o St. Anger foi demais – e agora, com o novo cd, o mais pesado desde sua ‘morte’, tenho certeza que muitos vão dizer que continua morto. Oras, os caras fazem tudo que todo mundo sonhava, há 18 anos o tal retorno do velho Metallica. E agora, que os caras voltam a fazer o som de antigamente, neguinho reclama. Peguei James Hetfield e sua trupe para cristo, mas com a maioria é assim. Quem gosta de Heavy Metal é geralmente um fã muito fiel, compra cd original, vai aos shows e tudo. Mas proibir e difamar uma banda que ele gosta, só porque a própria banda quis evoluir é muita sacanagem!

Por isso eu odeio metaleiro xiita. O cara já vem cheio de preconceito para ouvir um disco. Quando o Corey Taylor – vocalista do Slipknot e Stone Sour (que por sinal é muito melhor) – disse que daqui para frente não iria lançar mais nada a base de gritos e grunhidos, tenho certeza que um bando de cabeludo tava arrancando as barbichas de ódio. Quando o Slipknot lançou o 3° disco, algumas (várias) músicas tinham melodia, minha nossa, mas o que eu vi de fã declarando seu repúdio a banda, foi inacreditável. O disco é de longe o melhor, e o novo, que também tem melodias mais harmoniosas e refrões ‘cantados’, vai receber as mesmas críticas que o outro recebeu. E assim vai.

Se eu aprendi uma coisa na faculdade até hoje, foi a Relativizar. Relativizar nada mais é do que pesar sempre os dois lados, nunca generalizar e nunca pré-julgar algo. Relativizar serve para TUDO. De música a relacionamento. Neste caso, os integrantes dessas bandas evoluem, e o que eles querem é que seus fãs evoluam da mesma maneira, acontecem erros..é óbvio! Acontecem, e ás vezes esses caras, tentam agradar. Mas sempre vem um maldito xiita falar que eles se venderam e que o mainstream estraga suas bandas favoritas. Porra, você quer que o cara não ganhe dinheiro só por que você quer escutar o seu sonzinho?! Existe coisa mais egoísta do que isso? Para mim, não.

Se você que está lendo, for um desses caras, eu sei que você vai me odiar, mas o Metallica NUNCA vai lançar outro Ride The Lightning, o Iron Maiden NUNCA vai lançar outro “Iron Maiden“.

Seu tolo, bandas nunca devem tocar o mesmo som para sempre. Fica chato. O legal são os discos que entram para a história…Sgt. Pepper‘s da vida.

Copiado descaradamente do oCrepusculo
Postado ao som de The Seven AngelsAvantasia