Só depois de 15 anos da exibição desse glorioso anime em nossas terras é que temos a oportunidade de vivenciar uma era em os problemas pessoais podem ser resolvidos numa porradaria doméstica de robôs!

O projeto Ganker: Fighting Robot, atualmente aberto para financiamento coletivo, irá entregar um pequeno robô pessoal, controlável por smartphone, para você se digladiar por aí. O modelo mais básico, apenas com espada e escudo, sai atualmente por U$250,00 + envio para o Brasil. Sendo assim, acho que vai ser difícil emplacar algo por aqui, mas ainda não é proibido sonhar. Veja o trailer do produto:

Quero ver quando tiver as expansões com asas, braço com lança-mísseis e serra elétrica.

Como pode imaginar, não tenho tanto conteúdo para mais do que duas colunas sobre animes, então já chegamos a segunda e última parte desse assunto. Não estranhem se não encontrarem animes populares como Naruto, One Piece e Cavaleiros do Zodíaco, é que esses raramente me chamam a atenção, vejo um episódio ou outro, mas sinta-se livres para comentar deles e de qualquer outro nos comentários. Vamos lá!

Yu Yu Hakusho
Vou começar com um dos primeiros animes que tive contato, na saudosa TV Machente em 1994. Nesse época, era difícil acha uma animação madura e que tratasse de temas sombrios, é aí que Yu Yu Hakusho triunfa sobrenaturalmente! Assuntos de morte, espírito, demônio e inferno eram abordados comumente na série, que ainda trazia grandes cenas de lutas e conflitos totalmente diferentes a cada temporada. E não é só isso trapizomba! Yu Yu Hakusho teve uma das melhores dublagens da época, e referência até hoje no quesito adaptação e humor, sempre usando de ditados e gírias nacionais – Todas as abertura.
Continue lendo