Em comemoração ao último (se Deus quiser) filme dos Transformers, a Paramount fez questão de ensinar umas gírias e uns maneirismos das terras tupiniquins. Veja aí todas as aulas.

Guilherme Briggs sendo sempre ótimo.

tenis-vans-transformers

Combater o mal no melhor estilo.

Não sei como eu me sinto quando o Super Power Beatdown coloca duas das figuras mais icônicas e porradeiras da minha infância em uma batalha de metal contra metal, recursos é o que não vão faltar nesse quebra-pau. O vídeo já está no ponto de bala, mas se quiser ver as apostas que a galera da Stan Lee’s Comikaze tem a fazer, assista desde o começo.

O resultado foi tão apertado quanto meu coração.

A última série animada da Hasbro, Transformers: Prime foi realmente ótima em vários sentidos: Trazia enredo maduro, linda animação, personagens engraçados e carismáticos e uma bela linha de brinquedos, tudo isso em 52 episódios e um longa-metragem, então naturalmente em fiquei cabisbaixo quando seu final foi anunciado.

Mas como o que move o mundo é a grana, logo após isso uma nova série havia sido anunciada, Transformers: Robots in Disguise, mas pouca coisa havia sido mostrada, sabia-se que não seria em computação gráfica e traria Bumblebee como líder dos Autobots na Terra. Semana passada a própria Hasbro divulgou em seu canal do Youtube trechos da nova série, os quais eu mostro para você agora.

Pra começar, essa animação está bem estranha, não sei se é a mistura de CGI com desenho 2D, ou se são essas cores claras aí, mas ficou confuso. Os personagens parecem legais, apensar de parecer que aquela ali tá de batom, mas principalmente esse Grimlock verde com voz de negão, mas alguém precisa avisar ele que virar um T-Rex não ajuda muito a se esconder. A transformação pareceu meio Sailor Moon, espero que não seja sempre assim, mas a comédia está bem presente, ainda mais quando eles enfrentam um robô lagosta gigante.

Como eu disse, deixa dúvidas, mas com certeza vou dar uma checada no desenho quando ele sair antes de qualquer veredito.