Essa história parece uma daquelas lenda urbanas de cidade pequena, mas que hoje em dia com o advento mágico da internet, veio a se tornar real.

Uma simples família administrava um restaurante bem caseiro chamado Osteria ai Pioppi, praticamente escondido entre as árvores da floresta de uma pequena cidade no interior da Itália. É aí que um de seus proprietários, utilizando de seu conhecimento com metalurgia, resolveu que iria fazer alguns brinquedos de parquinho para ser um atrativo a mais ao restaurante, como um escorrega e um gangorra. Por fim, o senhor Bruno está há 40 anos fazendo os mais incríveis, engenhosos, enormes, divertidos e de segurança altamente duvidosa, brinquedos de parque de diversões!

O vídeo abaixo mostra um pouco da estrutura desse restaurante, conta a história de seus fundadores e mostra alguns brinquedos. Ele tem 14 minutos, mas vale a pena ver só pelas engenhocas que esse simpático senhor tem no quintal.

Uma vez eu andei em um mini-barco viking de suas pessoas somente que era movido por nós mesmos. Foi surreal, imagina estar nesse lugar aí.

Se você achava as montanhas-russas que você criava no Roller Coaster Tycoon eram radicais o suficiente, conheça agora o parque de diversões que leva o ser humano ao seu limite.

Ou você não conhece o limite do ser humano (e da física) ou você percebeu que isso não existe. Essas cenas são retiradas do curta-metragem alemão The Centrifuge Brain Project, onde mostra experimentos iniciados na década 70 sobre utilizar força centrífuga para aumentar a capacidade do cérebro das pessoas. O curta tem apenas 7 minutos e pode ser visto na íntegra aqui caso você queira, mas vou adiantar, a parte mais legal já foi.

Em uma tarde monótona de sábado o youtuber Roman Atwood resolveu encher a sala de estar da sua casa com milhares de bolas de plástico, iguais aquelas de piscinas de brinquedos infantis.

E se você acha que realizar o sonho de qualquer criança e jovem adulto que se recusou já seria o bastante para o vídeo, assista até a hora que a esposa do cara chega em casa!

Agora vou procurar onde posso comprar essas bolinhas a granel.

Foi exatamente dessa forma, tirando a alma do brinquedo mais divertido dos parques, que a Volkswagen divulgou sua nova tecnologia de prevenção de impacto. Com certeza eles conseguiram passam a mensagem, mas foi o mínimo broxante.

Poucos já testemunharam minhas habilidades no carrinho bate-bate, apenas alguns sobreviveram.