A gente pode pensar que sumir de um lugar e aparece no outro poderia ser bem útil, mas na verdade é mesmo! O problema é quando se abusa disso. Veja isso no curta do Nukazooka abaixo.

Apesar as inúmeras representações de pokemon reais, é sempre bom divulgar quando uma delas é muito bem feita, como é o caso do artista Joshua Dunlop. Confira abaixo.

Continue lendo

Em um universo onde Pokémon Go sai fora de controle, a galera do Nukazooka aproveitam e respondem várias perguntas com seu curta: Dá pra pegar humanos com pokébola? Como é lá dentro? E o que o Professor faz com os pokémons?

Pelo menos deu pra entender como foge da batalha.

E se a mania dos jovens tomasse conta da vida de real de todos? Como faríamos para viver tendo emojis como cabeças em nossa sociedade? A galera do Andrew Films tenta responder essa pergunta… ou não.

Só fazer o swap de novo, dã.