A fim de comemorar o aniversário de 20 anos de uma das produções infantis nacionais mais épicas já feitas, equipe do Museu da Imagem e do Som, juntamente com a TV Cultura, prepararam uma mega exposição que promete te fazer viajar em suas próprias memórias do Castelo Rá-Tim-Bum!

Serão expostos bonecos, cenários, maquetes, figurinos e várias outras peças, muitas delas restauradas pelo MIS, que fizeram parte da produção da série, além da exibição de filmes musicais clássicos (♪ ♫ Lava uma! Mão! Lava a outra… ♪ ♫) e depoimentos do elenco original! E pra explodir sua cabeça, mais de dez ambientes serão recriados e abertos para a visitação do público!

castelo ra rim bum exposicao

A exposição acontece no MIS, em São Paulo, entre os dias 16 de julho e 12 de outubro, podendo ser visitada de terça a sexta, das 12h às 21h, e aos sábados, domingos e feriados, das 11h às 20h. Os ingressos custam R$10 (inteira) R$5 (meia) na bilheteria do museu ou R$30 (inteira) R$15 (meia) com compra antecipada pelo Ingresso Rápido.

Quando fiquei sabendo dessa exposição, fui tomado por uma satisfação enorme em ver o devido valor sendo dado a essa série original brasileira, sendo um ótimo exemplar de produção infantil até hoje, em questão de enredo e produção, onde a fantasia e criatividade sempre falavam mais alto. Estou extremamente empolgado com essa, que pode se tornar, uma das experiências mais nostálgicas e realizadoras que qualquer criança dos anos 80/90 poderia passar.

Se você também ficou animadão, leia mais sobre as outras preciosidades da TV Cultura.

Batman Live é espetáculo inovador e impressionante sobre o super-herói misterioso dos quadrinhos. Bruce Wayne e todos os personagens lendários da cidade de Gotham sobem ao palco em um mega espetáculo cheio de luzes, efeitos especiais e muita, muita ação. O show acontece entre os dias 11 e 22 de abril no Ginásio do Ibirapuera em São Paulo. Em maio, a turnê continua pela América do Sul, com apresentações já confirmadas em Santiago do Chile e Buenos Aires.

Baseada em uma história original criada exclusivamente para o show, Batman Live é uma experiência teatral que mistura artes marciais, acrobacias e ilusões e BATMAN!. A fictícia Gotham City, a mansão de Bruce Wayne e a Batcaverna foram literalmente colocadas no palco junto com Batman, Robin, seu arqui-inimigo Coringa, os vilões Charada, Mulher-Gato, Pinguim e Duas-Caras em um espetáculo totalmente inovador e impressionante.

Só estou postando isso para convidar o leitores e avisar que NÓS VAMOS!

Curta | Siga | Assista | Acesse

Como alguns de vocês possam não saber, nesse final de semana rolou o Game World 2011, evento voltado a indústria dos games organizado pela revista EGW. Vou cortar o resto da descrição e ir direto para minhas impressões. O evento foi realizado no Centro de Convenções dentro do Shopping Frei Caneca, ou seja, não era tão grande assim, mas fora muito bem montado, aproveitando bem os espaços e mostrando realmente o que, no momento, era o supra sumo dos games. Tivemos a chance de jogar o Capcom vs Marvel 3, mas depois que eu descobri que já tinha lanço mês passado, desencanei, mas mesmo assim, ficou muito bom.

O segundo stand mais lotado era com certeza do Mortal Kombat 9, que apesar de cheio era fácil esperar 20 minutos para jogar uma peleja. A conclusão é que o jogo está ótimo, muito bem feito, mais sangrento como nunca, com controles totalmente orgânicos e com comando fieis para os personagens, nem precisei abrir a command list do Sub-Zero para ver seus poderes. Só achei que faltou personagens, porque se era para ressuscitar toda a mitologia clássica, podiam ter colocado mais lutadores. Eu não consegui, mas pelo que ví no torneio, os fatalities estão bem mais simples, porque vários jogadores, pausavam no Finish Him, batiam o olho nos comandos e faziam fácil, e como sempre, violentos.

Tivemos a participação de Hector Sanchez, o produtor de boa parte dos MK’s. Ele deu autógrafos a todos, batem um papo rápido com alguns e mostrou suas habilidades em sua obra prima, que convenhamos, não foram de impressionar, mas entendemos que pivetes gosmentos tem mais tempo para jogar do que ele.

Por fim, o most wanted do evento foi o N3DS, que tinha suas 15 unidades devidamente protegidas em um belo aquário que tinha uma fila de gamers sedentos de duas voltas para defende-lo. Mas digo a vocês que valeu a pena, eu realmente não estava crente que uma tecnologia assim poderia ser desenvolvida tão bem quanto anunciada. Eu ainda joguei um jogo simples, Fifa 2011. Na hora que a booth girl ligou o 3D e a imagem se dividiu, pensei: “Que tosco…será que é só isso?”. Mas depois de 40 segundos, um singelo “Caraca!” saiu de mim. A parada começou a fazer efeito, e pude ver, como em uma cinema 3D, a profundidade do jogo, via a arquibancada no fundo, a grama no meio e o jogador bem frente. Realmente muito bom. O Perps ainda se deu bem melhor, ele jogou um jogo que não lembro o nome, mas era o tipo de jogo que explora a ferramenta do console. Filmando uma carta especial, o N3DS projetava em cima dela todo um cenário de castelo, que deveria ser defendido de naves por todos os lados pelo jogador. A medida que você olhava de outros ângulos, ou até mesmo, pegava a carta na mão, era possível ver todo o cenário gráfico 3D girar e virar. Ótimo interação 3D com realidade aumentada. A Nintendo está de parabéns!

Por fim, essa era para ser uma foto minha, Caetano and his broda com a booth girl Baronesa, que era a mais bonita do local, mas a falta de perícia do fotografo resulto nisso, que nem se pode ver a casa de assustada da menina.

Finalmente verei o 3DS. Vamos ver se essa porra funciona.