Havia tempo em que eu não aguardava tão ansioso por um final de série, seja porque eu estava realmente curioso com o destino dos personagens ou simplesmente porque não aguentava mais toda a enrolação da última temporada. Mas por bem ou por mal, essa jornada acabou, e agora vamos passar o resto da vida dando pitacos sobre isso.

how i met your mother finale 1

Antes de tudo, só gostaria de deixar claro por antecipação que, eu gostei do final de How I Met Your Mother. Achei incrível como, depois de você já receber de bandeja todas as informações sobre o futuro dos personagens, ainda é surpreendido! O que vou fazer nos próximos parágrafos é somente dizer o porque de eu ter gostado, além de começar uma discussão sadia sobre o final dessa saga. Claro que o texto terá uma quantidade violenta de spoilers, então leia apenas se você já terminou de ver a série.

Quero primeiro começar sendo franco e dizer que a 9ª temporada foi um saco! Essa ideia maluca de passar toda a temporada em um final de semana, só fez com que os episódios parecessem repetitivos, mas dos poucos episódios que realmente valiam a pena, a direção soube dar um ar libertador das paredes daquele hotel, aproveitando ao máximo os atores, que realmente estavam em sua melhor forma.

how i met your mother finale 2

Vou ser sincero e dizer que eu nunca comprei a ideia da mãe (a partir de agora chamada de Tracy). Sempre achei muito exagerada a forma como ela era apresentada como a alma gêmea perfeita para o Ted, e esse sentimento ficou muito mais forte no episódio comemorativo 9×16 – “How Your Mother Met Me” (o de número 200 na contagem corrida), em que as semelhanças de Ted e Tracy ficam gritantes, incluindo o gosto literário, gosto musical, apreço por caligrafia, feiras renascentistas, festas a fantasia e até coleção de moedas. Sério, nem se ele tivesse criado uma esposa no The Sims ela saía desse jeito.

Com a Robin, por outro lado, foi um relacionamento construído ao longo dos anos, cheio de altos e baixos, solavanco e brigas, onde eles tinham confidencialidade, companheirismo, piadas internas, romantismo, apelidos carinhosos e zuação ilimitada, isso sim se parece com um relacionamento verídico. A verdade é que, quando eu estava no começo da série, até a 2º temporada, eu acreditava que Robin poderia ser a mãe daquelas crianças, e que toda a narração do Ted tinha o propósito de enganar o espectador, mas com o passar das temporadas, a possibilidade de eu ver a Robin como a mother do título, era impossível.

how i met your mother finale 5

O desfecho principal me agradou bastante, muito pela surpresa e também pelos temas tratados. Divórcio, morte e recomeço são temas comuns em sitcons, mas a forma que foram abordados, mostrou muito respeito pela história proposta desde o começo. Ted viveu finalmente sua história de amor, mas quando ela, infelizmente, acabou, ele teve a chance de recomeçar.

Eu acredito que apenas o final dado para Barney tinha alguns furos, mas me agradou apesar de tudo. No meio da 8º temporada, em que Sr.Stinson começa a ter relacionamentos mais longos, que culminam em seu noivado, ele, de um dia para o outro, se descobre um bom marido, mesmo apesar das recaídas. Mas no final fica estabelecido que, como seu casamento com Robin não havia dado certo, ele não teria como ter um casamento feliz, é aí que, assim como ele, somos surpreendidos pela sua paternidade.

how i met your mother finale 3

E não entenda “paternidade” como família, tanto que nem mesmo ele lembra o nome da mãe da criança, o resultado disso é um tarado de Nova York recém convertido se tornado um pai solteiro, que iria proteger sua criança dos tarados de Nova York (eu já vi isso acontecer de verdade), tudo isso, construído em uma das cenas mais emocionantes da série (parabéns a Neil Patrick Harris). Além de tudo, sempre achei que o relacionamento do Barney e Robin pareceu um pouco forçado, assim como o motivo do termino dele. Até mesmo o amadurecimento de Barney pode ter parecido repentino, mas já haviam se passado alguns anos, e ele deve ter aprendido algumas lições. Mas mesmo assim, todos esses “furos” foram apenas detalhes que serviram de escada para um desfecho emocionante.

E por fim, Marshall e Lily de fato não apresentaram nenhuma surpresa: Família crescendo, mudando de apartamento e Marshall provando mais uma vez seu talento profissional.

how i met your mother finale 4

Então no final, temos um plot twist recheado de não uma, mas duas grandes histórias de amor, salpicado de inúmeras ex-namoradas que, pelo jeito, seus filhos precisavam saber, com uma cereja de incerteza, em uma série em que o protagonista parecia saber de tudo. Um final, na minha humilde opinião, justo e marcante.

O que você achou?

Comentários

4 comentários antigos

  1. O que eu mais gosto em séries é quando eles conseguem me enganar, mesmo eu levantando diversas possibilidades pra história! E How I Met Your Mother conseguiu! Eu gostei muito do final, porque explica porque diabos uma série sobre a mãe só fala da Robin, constantemente xD FOi gaaah, lindo!
    Essa sequência que os mostra a gangue breaking apart gradually foi heartbreaking – acho que todo mundo se conecta aí… foi outra coisa linda
    O que não gostei muito foi das sequências do Barney, mas entendi porque aquilo era necessário para eles fecharem a série da forma como eles tinham planejado lá na primeira temporada.

  2. Pingback: O final alternativo oficial de How I Met Your Mother | Zona Nerd